7 de janeiro de 2016

[Resenhas] Legend, Marie Lu


Páginas: 255


Sinopse

“Legend” é o primeiro livro da série distópica há muito tempo aguardada pelos fãs. Ambientado na cidade de Los Angeles em 2130 D.C, na atual República da América. Conta a história de um rapaz – o criminoso mais procurado do país – e de uma jovem – a pupila mais promissora da República –, cujos caminhos se cruzam quando o irmão desta é assassinado e a ela cabe a tarefa de capturar o responsável pelo crime. No entanto, a verdade que os dois desvendarão se tornará uma lenda.

Enredo

(Tumblr)

O primeiro volume da trilogia Legend nos leva a um futuro distópico onde a cidade de Los Angeles se tornou a República da América, um tipo de governo militar aparentemente perfeito apesar das constantes guerras com inimigos. E que para estabelecer a ordem na sociedade, realizam uma prova física e mental onde seu futuro é decidido através da nota. Parece clichê? Mas calma, esse é só o ponta pé inicial de uma reviravolta de acontecimentos. Ao longo das páginas conhecemos os protagonistas, Day e June, dois resultados opostos da prova. Ele, o criminoso mais procurado do país. Ela, o prodígio da república. Somente uma fatalidade como a morte do irmão da garota que poderia fazer com que caminhos tão distintos fossem cruzados e a partir disso revelassem tantos segredos. 

Impressões

Preciso começar falando da narrativa incrível dessa autora que com extrema facilidade conseguiu descrever cenários distópicos altamente complexos mas que em suas mãos se tornaram simples, objetivos e fáceis de serem imaginados. Por experiência própria digo que fomos levados até a república. Até os subúrbios do Lake, setor natural de Day. E ao alto escalão da sociedade, as melhores universidades, onde June se esforça para ser sempre a melhor. E em como achei genial o fato dela alterar a narrativa entre o ponto de vista dos dois protagonistas fazendo com que os leitores entendessem os motivos pelas quais cada um deles lutam. 

(Tumblr)

June, de cara parece ser mais uma garota mimada que sempre teve tudo o que queria e nunca realmente soube o que era sofrer. Porém, me orgulho de dizer que ela me surpreendeu e me conquistou de fato. É o tipo de garota que salva ao invés de precisar ser salva. Aquela que desde menor aprendeu que para alcançar seus objetivos, só dependia de si mesma. E além disso, prefere seguir a razão ao invés do coração. O que para mim é uma característica peculiar em um protagonista. 

(Tumblr)

Day é apresentando pelo seu governo como um criminoso altamente perigoso, frio e calculista. Mas ao contrário disso, chega a ser mais emocional do que June. Sua motivação é a família que além de sofrer com a miséria ainda precisa lidar com a ameaça da praga, uma doença que isola o setor onde ele, antigamente, vivia. Ao lado de Tess, sua amiga, eles tocam o terror, literalmente, na república. Afinal militares tão bem preparados não conseguem encontrar um simples garoto? Ou seria, homem? Nem isso eles sabem, afinal nosso loirinho (de cabelos longos, isso mesmo :B) é sagaz, toma cuidado para não deixar rastros e ainda por cima tem a solidariedade de ajudar quem quer que precise, indo contra quaisquer valores da sua sociedade. 

Claramente minha reação com as reviravoltas do livro :P

Não posso falar mais se não vou acabar soltando vários spoilers, mas saiba caro leitor, que ler Legend é uma montanha russa. Quando você acredita que tudo parece bem e aceitável, surge um novo acontecimento extraordinário que de repente vira tragédia e te faz chorar litros, isso porque nem é o fim da trilogia. Tudo é descrito e realizado no momento certo, por isso não tem como enjoar ou cansar de ler. A única coisa que me incomodou, e eu não poderia deixar de falar, é o fato da prova ser realizada com crianças de apenas dez anos, talvez seja parte da construção da história mas questionei o fato de seres tão jovens apresentaram habilidades tão incríveis sem nenhuma espécie de pré-treinamento ou algo do tipo. 
Enfim, é apenas isso que tenho a dizer gente. Em poucas páginas Marie Lu te leva a outro mundo e te faz vivenciar sensações reais, é algo incrível e por isso eu super recomendo a leitura. 
Juntamente com os personagens somos colocados contra a parede, nos obrigando a rever os próprios conceitos e no que acreditamos a vida inteira afinal aparência não é tudo. 

Frases Marcantes

(Tumblr)

"Não serei autorizada a forçar Day a vir a mim, o que só me deixa uma opção: eu vou ter de ir atrás dele."

"Os soldados disparam uma saraivada de balas contra mim. Eu me escondo atrás da chaminé. Fagulhas voam por toda parte. Cerro o dentes e fecho os olhos. Não posso fazer nada nesta situação. Estou impotente."

"— Porque cada dia significa novas 24 horas. Cada dia quer dizer que tudo é possível de novo. Você pode aproveitar cada instante, pode morrer num instante, e tudo se resume a um dia após o outro - Ele olha para a porta aberta do vagão da ferrovia, onde faixas escuras de água cobrem o mundo. — E aí você tenta caminhar sob a luz." 

Comentário de quem também já leu:

"Legend não e só uma distopia, é um livro sobre a verdade que outras pessoas escondem,e sobre como a família é um vinculo único, e que mesmo a pessoa que se considera a mais sem graça pode ser a própria lenda." Rafaela Souza

Foi ela que me apresentou a trilogia e pediu para eu falar isso, KKKKKK' u.u 

Ok parei, obrigada Rafa por me apresentar a trilogia!

É isso pessoal, espero que tenham gostado. Estou ansiosa para o fim da trilogia e assim que o fizer conto tudo para vocês, até a próxima!

4 comentários:

  1. Oie, tudo bem?
    Já vi vários comentários sobre Legend, mas nunca tinha ido atrás de sinopse ou resenhas.
    Mas agora fiquei com vontade de ler. Adoro livro com reviravoltas, que você acha que vai acontecer uma coisa e 'buuum' acontece outra.
    Estou amando seu blog, muito sucesso sempre viu?
    Beijos
    Lost Words

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, tudo sim e com você? Ah acontece, ás vezes todo mundo fala daquele livro mas bate aquela preguiça de pesquisar sobre HASHSAS'Mas enfim, fico feliz que minha resenha tenha aumentado sua vontade para lê-lo porque vale muuito a pena mesmo.
      Obrigada, de verdade, fico muito feliz. E beijos :* <3

      Excluir
  2. Já houvi falar de Legends e adicionei o livro na minha listinha desde o ano passado , porém sempre que compro livros novos , pego outros... Sua crítica estava extremamente bem escrita e completa! Adorei a forma que você montou a resenha!

    Aconselho que utilize templates grátis , para deixar o blog mais atraente a novos visitantes. Atrairia mais pessoas a lerem suas magníficas resenhas.
    BJUUUS

    blogamigascorujas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena adquirir Sabrina, é realmente uma ótima trilogia. Fico feliz que tenha gostado da resenha, de verdade,obrigada ♥
      Agradeço também pela dica, farei o possível para tornar o Relíquias cada vez mais confortável para os leitores, ♥
      Beijoooooooos!

      Excluir

Ei obrigada por comentar, saiba que isso me deixa muito feliz.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...