14 de janeiro de 2016

[Livro x Filme] Diário de Uma Paixão


SPOILER

Olá pessoal! Tudo bem com vocês? Espero que sim. Hoje estou aqui para estrear o primeiro post da série "Livro x Filme" que como sugere o título, irá citar as diferenças entre as duas obras. Bom eu queria deixar claro que são formas diferentes de apresentar uma história por isso de forma alguma a representação cinematográfica de duas ou três horas conseguirá detalhar um livro de duzentas, trezentas páginas. Por isso levem a série como forma descontração .
Bem a nossa primeira vítima MUHAHA :P, será o livro Diário de Uma Paixão na qual recentemente eu fiz uma resenha, caso queira  conferir. Vamos começar?

(Tumblr)

No filme temos mais detalhes do verão de Noah e Allie, como por exemplo, do dia em que eles se conhecem. O filme demonstra através de cenas engraçadas o começo da relação dos personagens, os atores são cativantes e nesse início estão garantidas boas risadas. A figura dos pais de Allie tentando controlar o envolvimento dela com ele também é mais ativa no filme. Enquanto no livro Sparks reduz essa parte a rápidas descrições para então focar no reencontro do casal.

Senti que o Noah do filme é mais frio ao rever Allie.

No livro há detalhes do jantar que Noah preparou para ela, conta até mesmo que Allie se sujeitou a ajuda-lo na preparação. Já no filme eles partem direto para a comilança :v

Conhecemos mais no filme sobre Lon que tem uma cena dedicada a sua profissão.

(Tumblr)

No filme temos mais foco na vida de Noah após a ida de Allie, como por exemplo, em sua relação com Marta sua vizinha. No livro ela é citada pouquíssimas vezes.

No livro sinto que a mãe da Alisson é mais fria. Porém no filme há um destaque para o passado dela onde também houve uma paixão proibida que por coincidência também era pobre como Noah. Talvez essa seja uma das explicações para a escolha da filha, o incentivo da mãe em seguir seu coração para não se arrepender.

No livro as cartas não recebidas de Noah são lidas por Allie na garagem do hotel onde Lon está hospedado. Mas no filme, são lidas no caminho. Acredito que sentimos mais emoção nessa parte com o livro, que relata cada carta. 

(Tumblr)

 No filme temos a visita dos filhos do casal na clínica, achei tão fofo. Enquanto no livro não me lembro deles terem feito isso.

Senti que a Allie em sua fase mais velha é representada como alguém mais "tranquila" até certo ponto no filme. Ao contrário do livro, em que sentimos seu desespero e por vezes até parei de ler porque é algo muito doloroso e emotivo.

No filme fica explícito a morte dos personagens. No mesmo dia, mesma hora e lado a lado. No livro eles terminam juntos, mas não é declarado o momento exato da morte. 

Bom pessoal, é isso! Espero que tenham gostado tanto quanto eu gostei de escrever. Lembrando que são detalhes que achei relevantes para destacar e que para mim não existe melhor ou pior, apenas formas diferentes de retratar uma história.
Até a próxima!

2 comentários:

  1. Muiiiito bem, achei legal a nova categoria de postagens, desde que seja vista com descontração como você citou. Só avisar o pessoal que pode conter spoiler. rsrs

    Eu já li o livro e vi o filme, mas primeiro vi o filme e senti muita antipatia pela Allie, não sei porque, mas depois de muitos anos eu li o livro a amei a história.

    E você tem razão, no livro a fase dela no asilo é muito mais desesperadora de se ver.

    Beijooos.

    Blog: http://true-luv.com/inolvidable/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Raquel, que boom fico extremamente feliz que tenha gostado e obrigada por me lembrar, tinha esquecido do avisinho de spoiler >< KKK
      Sério? Eu gostei muito da escolha da atriz, mas talvez você tenha sentido antipatia por ela pelo fato dela ser meio indecisa nas escolhas e tal.
      Awwwn que bom saber que não fui a única a achar a fase dela no asilo bem mais intensa no livro *-*

      Beijos :*

      Excluir

Ei obrigada por comentar, saiba que isso me deixa muito feliz.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...