22 de maio de 2017

[Escritos] Crianças


Somos todos crianças obrigadas a encarar cascas de adultos quando nem ao menos conseguimos decidir qual a cor favorita. Aqueles que brincavam na rua e em um piscar de olhos já se viam disputando vagas concorridas de emprego, encarando as corporações, o mata leão e a obscuridade humana. 
Somos todas crianças que por conta da inocência deixam de enxergar a maldade. Aqueles que querem te colocar para trás e desejar seu bem, desde que não esteja acima do dele. Crianças, desacreditadas de seus sonhos diante das dificuldades, buscadoras da liberdade e de uma mão quando cair e seu joelho ferir. 
Apenas crianças, do conforto dos braços da mãe, da animação de sessão da tarde, do passado que jamais voltará atrás. 

Estefany Cavalcante

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ei obrigada por comentar, saiba que isso me deixa muito feliz.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...